09/07/2019 | 13h19     Atualizado em 09/07/2019 | 13h22

FacebookTwitterPinterestGoogle+LinkedIn

Bento Gonçalves apoia Comissão do Idoso na luta por delegacia de proteção em Caxias do Sul

O grupo parlamentar obteve sinal verde da Prefeitura e do Procon bento-gonçalvense

Emanuelle Nicola/divulgação
Emanuelle Nicola/divulgação

Bento Gonçalves apoiará a Comissão do Idoso da Câmara Municipal para Caxias do Sul ter uma Delegacia Especial de Proteção ao Idoso, de caráter regional. O importante reforço, na luta pela delegacia, foi conquistado pelo grupo parlamentar, presidido pelo vereador Felipe Gremelmaier/MDB, nesta segunda-feira (08/07), em reunião com o prefeito de Bento, Guilherme Pasin, o vice-prefeito, Aido José Bertuol, e a coordenadora do Procon naquele município, Karen Idizdro Battaglia.

 

Para tratar do órgão policial, houve duas reuniões, sendo uma no Procon e outra na sede do poder Executivo. Participaram: Felipe Gremelmaier, o vereador Velocino Uez/PDT, que também integra a Comissão do Idoso, o assessor do grupo parlamentar, Rafael Toigo, o assessor da vereadora Tatiane Frizzo/SD, Vagner Benitez, o prefeito, o vice e a coordenadora do Procon. Eles receberam ofício com solicitação de auxílio à causa e ouviram de Felipe argumentos sobre a importância da delegacia.

O prefeito Pasin acenou positivamente, declarando que encaminhará ainda esta semana documento à Secretaria Estadual de Segurança Pública reforçando pedido para instalação da delegacia. Presidente da Associação dos Municípios da Encosta Superior do Nordeste (AMESNE), o pepista convidou o presidente da Comissão do Idoso para apresentar o pleito na próxima reunião da entidade regional.

 

À coordenadora do Procon, Felipe Gremelmaier destacou que a Delegacia Especial poderá atuar no combate e na investigação de golpes financeiros contra pessoas com ou mais de 60 anos, uma das maiores reclamações que chegam ao órgão de defesa do consumidor.

 

Além dos apoios obtidos hoje, a iniciativa da Comissão do Idoso já obteve sinal verde da Delegacia Regional da Polícia Civil, da regional da Procuradoria-Geral do Estado, do Ministério Público, do Parlamento Regional e de entidades ligadas ao idoso de Caxias do Sul.

Comentários

Carregar mais comentários Comentar notícia