YouTube Facebook Instagram
YouTube Facebook Instagram

  09/07/2019 | 16h44     Atualizado em 09/07/2019 | 16h46

FacebookTwitterPinterestGoogle+LinkedIn

RS encerra 1º semestre com menos de mil homicídios depois de nove anos

Trabalho integrado da forças de segurança aumenta efetividade nos resultados

Rodrigo Ziebell/SSP
Rodrigo Ziebell/SSP

Considerado em todo o mundo como o principal parâmetro para avaliar os níveis de violência, o número de homicídios é, justamente, o indicador que torna mais evidente a constante queda da criminalidade no Rio Grande do Sul. Pela primeira vez depois de nove anos, o Estado voltou a encerrar o 1° semestre com menos de mil assassinatos ? a última ocasião havia sido em 2011, com 870 vítimas.

 

Entre janeiro e junho de 2019, foram registradas 962 mortes, o que representa queda de 24% em relação às 1.265 do mesmo período do ano passado. Os dados fazem parte dos indicadores de criminalidade divulgados pela Secretaria da Segurança Pública (SSP).

 

A redução também aparece na leitura mensal. Enquanto junho de 2018 registrou 194 homicídios, no mês passado, em todo o Estado, houve 152 (-21,6%) ? o menor número desde 2013, com 135 vítimas.

 

A baixa histórica no número de furtos é o exemplo mais marcante da tendência geral de redução nos índices de criminalidade no Rio Grande do Sul. Outro destaque são os roubos de veículos, com 2.750 ocorrências a menos em relação aos primeiros seis meses de 2018, passando de 8.773 casos para 6.023, uma queda de 31,3%. Ainda na comparação semestral, também tiveram baixa os furtos de veículos (-12,5%), os roubos (-9,3%), os ataques a banco (-28%) e os roubos a transporte coletivo (-21%).

Comentários

Carregar mais comentários Comentar notícia