YouTube Facebook Instagram
YouTube Facebook Instagram

  26/03/2020 | 19h25     Atualizado em 26/03/2020 | 19h31

FacebookTwitterPinterestGoogle+LinkedIn

Caxias do Sul tem 11 casos confirmados de Coronavírus

De acordo com estudo, até agosto, município terá 51 mil pessoas infectadas

Fabiana de Lucena
Fabiana de Lucena

Até agosto, 51 mil pessoas devem ser infectadas com o coronavírus em Caxias do Sul. Dessas, 41 mil devem apresentar sintomas leves, 7668 serão hospitalizados e 345 serão internados na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI).

 

Essa projeção de casos de covid-19 no município, até o fim de agosto, foi apresentada em live nas redes sociais da Secretaria Municipal da Saúde, pelo Prefeito Flávio Cassina e o Vice-prefeito e secretário de Planejamento, Edio Elói Frizzo, no fim da tarde desta quinta-feira (26). O estudo, realizado pela equipe da Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal da Saúde, faz parte do Plano de Contingência Municipal.

 

Na ocasião, o secretario Municipal da Saúde (SMS), Jorge Olavo Hahn Castro, atualizou o número de casos de coronavírus, que subiu para 11 (03 curados). Desses, 06 foram confirmados pelo Lacen e 05 pela rede privada. Dos quatro casos positivos que foram divulgados, um deles, um idoso de 62 está internado na UTI. Os demais estão em isolamento domiciliar.

 

O Município também apresentou o hospital de campanha, no Hospital Virvi Ramos, que tem capacidade para 49 leitos. "Nesse sentido, nós adotamos e estamos permanentemente reunidos com o Gabinete de Crise da Prefeitura, fazendo articulações, não só com a sociedade civil mas, especialmente, nos preparando para essa possível demanda", informou Frizzo.

 

O Vice-prefeito também expôs a preocupação da Administração Municipal. ?Desses 7.668 casos possíveis de internação, pelo menos 60% serão atendidos pelo SUS. Desses 7.668 existe a possibilidade real de que pelo menos 300 pessoas precisem ser internadas na Unidade de Tratamento Intensivo. Temos na cidade 100 leitos de UTIs, envolvendo toda rede, particular e privada". Ele também reforçou que o Município está em tratativas com o Estado para ampliação das UTIs, levando em consideração que Caxias é um pólo regional.

 

Emocionado, o Prefeito Cassina reforçou o apelo às pessoas. "Nos vamos ajustando aos poucos as atividades que poderão voltar gradativamente. Estamos analisando os casos pontualmente para que não haja nenhum prejuízo e mais uma vez peço a compreensão de todos. Pelo amor de Deus, fiquem em casa, nos ajudem e compreendam o nosso papel!".

Fabiana de Lucena
Fabiana de Lucena

Até agosto, 51 mil pessoas devem ser infectadas com o coronavírus em Caxias do Sul. Dessas, 41 mil devem apresentar sintomas leves, 7668 serão hospitalizados e 345 serão internados na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI).

 

Essa projeção de casos de covid-19 no município, até o fim de agosto, foi apresentada em live nas redes sociais da Secretaria Municipal da Saúde, pelo Prefeito Flávio Cassina e o Vice-prefeito e secretário de Planejamento, Edio Elói Frizzo, no fim da tarde desta quinta-feira (26). O estudo, realizado pela equipe da Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal da Saúde, faz parte do Plano de Contingência Municipal.

 

Na ocasião, o secretario Municipal da Saúde (SMS), Jorge Olavo Hahn Castro, atualizou o número de casos de coronavírus, que subiu para 11 (03 curados). Desses, 06 foram confirmados pelo Lacen e 05 pela rede privada. Dos quatro casos positivos que foram divulgados, um deles, um idoso de 62 está internado na UTI. Os demais estão em isolamento domiciliar.

 

O Município também apresentou o hospital de campanha, no Hospital Virvi Ramos, que tem capacidade para 49 leitos. "Nesse sentido, nós adotamos e estamos permanentemente reunidos com o Gabinete de Crise da Prefeitura, fazendo articulações, não só com a sociedade civil mas, especialmente, nos preparando para essa possível demanda", informou Frizzo.

 

O Vice-prefeito também expôs a preocupação da Administração Municipal. ?Desses 7.668 casos possíveis de internação, pelo menos 60% serão atendidos pelo SUS. Desses 7.668 existe a possibilidade real de que pelo menos 300 pessoas precisem ser internadas na Unidade de Tratamento Intensivo. Temos na cidade 100 leitos de UTIs, envolvendo toda rede, particular e privada". Ele também reforçou que o Município está em tratativas com o Estado para ampliação das UTIs, levando em consideração que Caxias é um pólo regional.

 

Emocionado, o Prefeito Cassina reforçou o apelo às pessoas. "Nos vamos ajustando aos poucos as atividades que poderão voltar gradativamente. Estamos analisando os casos pontualmente para que não haja nenhum prejuízo e mais uma vez peço a compreensão de todos. Pelo amor de Deus, fiquem em casa, nos ajudem e compreendam o nosso papel!".

Comentários

Carregar mais comentários Comentar notícia