YouTube Facebook Instagram
YouTube Facebook Instagram

  30/11/2020 | 13h33     Atualizado em 30/11/2020 | 13h38

FacebookTwitterPinterestGoogle+LinkedIn

Resultado das eleições municipais altera composição da AL em 2021

Carlos Búrigo assume o lugar de Fábio Branco que foi eleito prefeito de Rio Grande

Divulgação
Divulgação

Concluído o segundo turno das eleições municipais, neste domingo (29), ficam definidas as alterações na composição da Assembleia Legislativa em 2021. Dois deputados estaduais do MDB, Fábio Branco e Sebastião Melo, deixam o Parlamento e abrem vaga para suplentes da bancada.

 

No lugar de Fábio Branco, eleito já no primeiro turno para a prefeitura de Rio Grande, assume como titular o primeiro suplente da bancada, Carlos Búrigo, que já exercia a função de deputado estadual em substituição a Juvir Costella, atual secretário estadual de Transporte e Mobilidade. Carlos Búrigo que concorreu à prefeitura de Caxias do Sul e ficou em quarto na votação municipal, 21.809 votos (9,85%).

 

Caberia à vereadora de Porto Alegre Nadia Gerhard a cadeira deixada por Costella, na condição de suplente, no entanto, como ela migrou do MDB para o DEM, poderá ter a vaga questionada na Justiça, por infidelidade partidária, pelo próximo da lista, Beto Fantinel.

 

Na vaga do recém-eleito prefeito de Porto Alegre, Sebastião Melo, ingressa como titular a presidente do MDB Mulher do Rio Grande do Sul e primeira-dama de Gravataí, Patrícia Bazotti Alba. 

 

Comissões
Na Assembleia Legislativa, o deputado Sebastião Melo preside a Comissão de Economia, Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, enquanto o deputado Fábio Branco comanda a Comissão de Constituição e Justiça. 

Comentários

Carregar mais comentários Comentar notícia