YouTube Facebook Instagram
YouTube Facebook Instagram

  21/01/2021 | 13h32     Atualizado em 21/01/2021 | 13h43

FacebookTwitterPinterestGoogle+LinkedIn

Instalada a Frente Parlamentar em Defesa do Quartel de Bombeiros da ZN

Gabinete Vereador Zé Dambrós/PSB
Gabinete Vereador Zé Dambrós/PSB

Os parlamentares caxienses decidiram instalar a Frente Parlamentar em Defesa da Reforma e da Reabertura do Quartel de Bombeiros da Zona Norte, durante a sessão representativa desta semana. De autoria coletiva, o requerimento 8/2021 foi lido pelo vereador Zé Dambros/PSB (Autor) e obteve votação unânime do plenário. Além do socialista, assinam como autores: Marisol Santos/PSDB, Olmir Cadore/PSDB, Renato Oliveira/PCdoB, Wagner Petrini/PSB, Gilfredo De Camillis/PSB, Alexandre Bortoluz/PP, Denise Pessôa/PT e Felipe Gremelmaier/MDB.

 

Dambros recordou do esforço de muitos moradores e autoridades que formaram uma comissão para que a unidade fosse concluída e inaugurada em junho de 2011. Entre essas pessoas, mencionou o vereador Renato Oliveira/PCdoB e a presidente da Comissão de Construção do Quartel de Bombeiros da Zona Norte, Inoemia Biasuz.

 

Localizado na RS 453, no bairro Pôr do Sol, o prédio recebeu um investimento de R$ 550 mil reais, oriundos do orçamento municipal e do Fundo de Reequipamento do Corpo de Bombeiros (Funrebom). No requerimento, há dados que destacam a necessidade do espaço. Enquanto esteve em atividade, o Quartel de Bombeiros beneficiava uma população de 100 mil habitantes, de 32 bairros e loteamentos da região, a qual representa aproximadamente 30% das ocorrências de incêndio do município. O quartel ficou aberto por menos de cinco anos, sendo desativado em março de 2016 pelo Comando do Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Sul, que justificou a decisão por falta de efetivo, informam os autores.

 

O texto segue, ressaltando que, hoje, o espaço está abandonado e o prédio, depredado. "Não sobraram sequer as instalações elétricas e hidráulicas, e o local acabou virando ponto de encontro de usuários de drogas e utilizado para promoção de festas clandestinas", denunciam os parlamentares.

 

Dambros defende que o local seja recuperado e se transforme em um ponto de segurança da região. "Não podemos mais aceitar a desculpa da falta de efetivo. Lá podem funcionar a Guarda Municipal, pode ser colocado um canil, há bastante espaço", sugeriu o socialista.

 

Também se manifestaram favoráveis à Frente Parlamentar e a uma urgente reforma e reutilização do quartel os legisladores Adriano Bressan/PTB, Alexandre Bortoluz/PP, Elisandro Fiuza/REPUBLICANOS, Gladis Frizzo/MDB, Juliano Valim/PSD e Renato Oliveira/PCdoB.

Comentários

Carregar mais comentários Comentar notícia