YouTube Facebook Instagram
YouTube Facebook Instagram

  22/01/2021 | 17h30     Atualizado em 22/01/2021 | 17h33

FacebookTwitterPinterestGoogle+LinkedIn

Parlamentares concordam com reformulação do Projeto Troca Solidária

Divulgação
Divulgação

O plenário do Parlamento caxiense acolheu, por unanimidade, nesta quinta-feira (21/01), a proposta da prefeitura caxiense de reformular o Projeto Troca Solidária, iniciativa que consiste na troca de lixo seletivo por alimentos, buscando atender preferencialmente as comunidades de baixa renda.

 

Em síntese, pelo projeto de lei 8/2021, o município busca alterar da Fundação de Assistência Social (FAS) para a Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (SMAPA) a atribuição da gestão dos recursos voltados ao projeto. A intenção é que o município possa adquirir os produtos diretamente dos agricultores locais. Com a aprovação da matéria, para que entre em vigor, precisa da sanção do Executivo municipal.

 

O PL 8/2021 define que o Projeto Troca Solidária será implementado por meio de parcerias a serem celebradas entre a Companhia de Desenvolvimento de Caxias do Sul (Codeca), FAS e o Município de Caxias do Sul, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Smapa). Assim, a prefeitura informa na matéria que serão alocados anualmente recursos orçamentários à Smapa, para a realização do projeto. No texto, o município informa, ainda, que o poder Executivo regulamentará a nova lei no prazo de 30 dias.

 

Durante a segunda discussão, o vereador Lucas Caregnato/PT, presidente da Comissão de Agricultura na Casa, informou que o grupo parlamentar decidiu pela aprovação da matéria porque a modificação qualifica e melhora o processo.

 

A vereadora Marisol Santos/PSDB declarou o voto, elogiando a iniciativa e também a mudança prevista. "O Projeto Troca Solidária é referência no país", disse, ao parabenizar o prefeito Adiló Didomenico pela idealização da iniciativa à época em que presidiu a Codeca. A parlamentar tucana também mencionou que, como jornalista, fez reportagens sobre o projeto, considerando-o exitoso.

Comentários

Carregar mais comentários Comentar notícia